Certificado de Operações Estruturadas

O que são?

Os Certificados de Operações Estruturadas (COE) são instrumentos financeiros cuja remuneração equivale à aplicação formada por um ou mais ativos. Sua estrutura é formada por ativos de renda fixa e de renda variável, podendo alavancar os ganhos oriundos do ativo-objeto, travar a perda pela oscilação negativa ou até mesmo garantir um cupom mínimo de rendimento.

Ao ler os documentos do Certificado o investidor poderá verificar o indexador ou o ativo-objeto, os possíveis cenários para o desempenho, o prazo do certificado, as condições para resgate antecipado (caso haja) e o valor mínimo para aplicação.

Há duas modalidades de COE, de acordo com sua estrutura de rentabilidade:

Investimento com valor nominal protegido: quando não há riscos de perda do principal investido; e,

Investimento com valor nominal em risco: quanto há riscos de perda do principal investido, até sua totalidade.

COE com valor nominal protegido

Público Alvo
Investidores que buscam diversificação de carteira e desejam ingressar em novos mercados através de ativos que propiciem as vantagens de um investimento em renda fixa e a potencialização de ganhos característicos da renda variável.

Perfil de Investidor
Consulte a aderência do produto ao seu portfolio verificando a carteira sugerida para o seu perfil.

Vantagens
- Possibilidade de proteção do patrimônio e alavancagem do investimento;
- Previsibilidade dos possíveis cenários, conhecidos na contratação;
- Acesso a indexadores e ativos internacionais e nacionais;

Riscos
- Não há garantia pelo Fundo Garantidor de Crédito – FGC;
- Os preços para reversões antecipadas (resgate antes do vencimento) estão sujeitas à marcação a mercado.

COE com valor nominal em risco

Público Alvo
Investidores que buscam diversificação de carteira e buscam possibilidade de obter ganhos acima dos retornos do mercado.

Perfil de Investidor
Consulte a aderência do produto ao seu portfolio verificando a carteira sugerida para o seu perfil.

Vantagens
- Alavancagem do investimento;
- Previsibilidade dos possíveis cenários, conhecidos na contratação;
- Acesso a indexadores e ativos internacionais e nacionais;

Riscos
- Não há garantia pelo Fundo Garantidor de Crédito – FGC;
- Possibilidade de perda parcial ou total do principal investido;
- Os preços para reversões antecipadas (resgate antes do vencimento) estão sujeitas à marcação a mercado.

Como investir

Documentos Necessários para Aplicação:
- Documento de Informações Essenciais – DIE;
- Termo de Adesão.

Perfil:
- Faça uma avaliação rápida e saiba qual é seu perfil de investidor.

Para enviar o seu pedido de reserva, acesse o Home Broker em corretora.bradesco (Operações/Ofertas Públicas e Privadas)

Tributação

Há incidência de IRF, resultado positivo entre o valor da alienação e o valor de aquisição, mediante a aplicação das alíquotas da tabela regressiva abaixo:

  • Para aplicações de até 180 dias = 22,5%
  • De 181 a 360 dias = 20%
  • De 361 a 720 dias = 17,5%
  • Acima de 720 dias = 15%
“TRATA-SE DE UMA MODALIDADE DE INVESTIMENTO QUE NÃO CONTA COM A GARANTIA DO FUNDO GARANTIDOR DE CRÉDITO – (FGC)” Para operar produtos não aderentes ao seu portfolio será necessária a confirmação de pleno conhecimento dos riscos envolvidos nessas operações através da assinatura do Termo de Ciência de Riscos Alguns investimentos no mercado financeiro são considerados de risco e podem acarretar em perdas patrimoniais Termo de Ciência de Riscos

Alguns investimentos no mercado financeiro são considerados de risco e podem acarretar em perdas patrimoniais.

Bradesco S.A. Corretora de Títulos e Valores Mobiliários, instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.
Toda comunicação através da rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas, nos termos da Instrução 380 da CVM.
Todas as cotações, disponibilizadas na área aberta do site, possuem defasagem de aproximadamente 15 minutos.